terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Depois de dois anos, Atlético volta a dominar premiação do Troféu Telê Santana em Minas


Fonte: Superesportes
Edição: Jorge Luiz da Silva.
Fotos: Rodrigo Clemente/EM/DA Press
Serrinha, BA (da redação itinerante do Esporte Comunitário)


Vencedores do Telê Santana 2015 exibem troféu no lounge do Mineirão, palco da festa de 15 anosFoto: Rodrigo Clemente/EM/DA Press

Cruzeiro havia dominado as edições de 2013 e 2014

       Se em 2013 e 2014 o Cruzeiro ficou com a maioria dos prêmios do Troféu Telê Santana, na edição 2015, realizada nesta segunda-feira, dia 01/02, no Mineirão, o Atlético levou a melhor. Graças ao título do Mineiro e ao vice-campeonato brasileiro, o Galo teve oito atletas escolhidos na seleção do ano passado e recebeu mais três prêmios individuais, totalizando 11 troféus. Cruzeiro e América levaram quatro prêmios cada um na noite de gala do esporte mineiro.

       Os atleticanos Jemerson, no Brasileiro, e Lucas Pratto, no Mineiro, foram os craques de 2015.

 

      O Telê 2015 também premiou o tenista mineiro Marcelo Melo, líder do ranking de duplas da ATP.

       Na temporada passada, ele conquistou ao lado de Ivan Dodig o inédito título de Roland Garros, em Paris, seu primeiro Grand Slam.

        Melo venceu ainda o ATP 500 de Tóquio, o Masters 1000 de Xangai e o ATP 500 de Viena, todos com parceiros diferentes.

O Tupi de Juiz de Fora ainda foi premiado pelo acesso à Série B do Brasileiro.

         Dos quatro títulos do Cruzeiro, um ficou com a equipe de vôlei, campeã em 2015 do Campeonato Mineiro, da Superliga Masculina e do Mundial de Clubes da FIVB.


SELEÇÃO

A Seleção de 2015 teve uma curiosidade. Houve empate entre os goleiros Fábio, do Cruzeiro, e Victor, do Atlético. Assim, o time ficou com 12 componentes, sendo oito do Galo, três da Raposa e um do América. O comandante do ano foi Givanildo Oliveira, que conduziu o Coelho novamente à Série A do Campeonato Brasileiro.

A seleção foi formada por Fábio (Cruzeiro) Victor (Atlético); Marcos Rocha (Atlético), Leonardo Silva (Atlético), Jemerson (Atlético) e Douglas Santos (Atlético); Rafael Carioca (Atlético), Henrique (Cruzeiro), Luan (Atlético), Marcelo Toscano (América); Lucas Pratto (Atlético) e Willian (Cruzeiro).


REVELAÇÃO DO ANO

A grande revelação de 2015 no futebol mineiro foi Richarlison, atacante revelado pelo América, e que no fim da temporada acabou negociado com o Fluminense por R$ 10 milhões.

Richarlison, de 18 anos, teve passagem meteórica pelo time profissional do América. Em 24 jogos na Série B, marcou nove gols e deu três assistências, sendo peça fundamental na campanha que recolocou o Coelho na elite do futebol brasileiro (4º lugar, com 65 pontos).



PRÊMIOS INDIVIDUAIS

Além do tenista Marcelo Melo, destaque especial por sua temporada brilhante, outros atletas ganharam prêmios individuais. O zagueiro Jemerson, negociado pelo Atlético com o Monaco da França, foi eleito o craque do Brasileirão, enquanto o atacante Lucas Pratto, também do Galo, ficou com o troféu de craque do Campeonato Mineiro 2015.

Clubes também foram agraciados por seus feitos. O Cruzeiro ficou com o prêmio de Destaque Internacional, pelo título do Mundial de Clubes de VÔLEI. O América foi o Destaque Nacional pelo acesso à Série A. O Tupi ficou com o prêmio de Destaque do Interior pelo acesso à Série B. Já o Atlético levou o troféu de Destaque Estadual pelo título do Campeonato Mineiro de 2015 e pela conquista da BH Cup (Taça Belo Horizonte).



OS VENCEDORES DE 2015

Melhor Goleiro
Fábio (Cruzeiro) e Victor (Atlético)

Melhor Lateral-direito
Marcos Rocha (Atlético)

Melhores Zagueiros
Leonardo Silva (Atlético) e Jemerson (Atlético)


Melhor Lateral-esquerdo
Douglas Santos (Atlético)

Melhores Volantes
Rafael Carioca (Atlético)
Henrique (Cruzeiro)

Melhores Meias
Luan (Atlético)
Marcelo Toscano (América)


Melhores Atacantes
Lucas Pratto (Atlético)
Willian (Cruzeiro)

Melhor Treinador
Givanildo Oliveira (América)

Revelação
Richarlison (América)


Destaque Nacional
América (acesso à Série A do Brasileiro)

Destaque Especial
Tenista Marcelo Melo - Melhor Duplista do Mundo

Destaque do Interior
Tupi (acesso à Série B do Brasileiro)

Destaque Estadual
Atlético (campeão mineiro e da BH Cup)


Destaque Internacional
Cruzeiro Vôlei (campeão mineiro, da Superliga e do Mundial de Clubes)

Craque do Brasileirão
Jemerson (Atlético)

Craque do Campeonato Mineiro
Lucas Pratto (Atlético)