terça-feira, 24 de maio de 2016

Terceira divisão do Equador é palco de jogo com a maior goleada da história do futebol: 44 a 1



Fonte: Superesportes
Informação:  Gazeta Press
Edição: Jorge Luiz da Silva.
Imagens: Google.com.br (Arquivo ASES)
Salvador, BA (da redação itinerante do Esporte Comunitário)

  
O time equatoriano Pelileo SC, da segunda divisão, pode entrar para o livro Guiness dos recordes após golear por 44 a 1 (Foto: Divulgação/El Telégrafo)



Só o goleiro do Pelileo não marcou gol no jogo contra o Indi Native 

A semana mal começou e um evento curioso já marcou o mundo do futebol. No domingo, pela Terceira Divisão do Campeonato Equatoriano, o clube Pelileo SC foi responsável pela maior goleada da história ao vencer o Indi Native pelo placar de 44 a 1. 

Dez dos 11 jogadores do time vencedor tiveram a oportunidade de marcar gols, com exceção apenas do goleiro. O artilheiro foi o atacante Ronny Medida, que anotou 18 tentos. A rede adversária foi balançada 24 vezes no primeiro tempo e outras 20 no segundo, na partida disputada no estádio da cidade de Pelileo, no centro andino do Equador. O único gol do time visitante foi marcado por Segundo Masaquiza. 

O torneio, que faz parte da categoria profissional equatoriana, define quais dois clubes ingressam anualmente na primeira divisão. 

Segundo o jornal El Comercio, o resultado pode entrar para o Guiness como novo recorde, já que até hoje a maior goleada registrada corresponde aos 36 a 0 que o Arbroath marcou no Bon Accord, em 1885, no futebol inglês.