sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Clubes e FPF definem formato do Paulistão 2016



Fonte: Site oficial da CBF
Edição: Jorge Luiz da Silva.
Salvador, BA. (Da Redação Itinerante do Esporte Comunitário)


 Santos é o atual campeão paulista (Foto: Alex Silva/Agência Estado)


A Federação Paulista de Futebol e representantes dos clubes definiram nesta quinta-feira (5) o formato e o regulamento do Paulistão 2016 – Série A1, que será disputado entre os dias 31 de janeiro e 8 de maio.
O campeonato será organizado com quatro grupos de cinco clubes onde cada time jogará em turno único com as demais equipes dos outros grupos, e classificam-se para as quartas de final os dois melhores colocados de cada grupo.

As quartas de final e semifinal serão disputados em jogo único, e o mando das partidas será dos clubes com melhor campanha na somatória da competição. O campeão será definido em jogos de ida e volta.

Uma novidade estará no banco de reservas. A partir de 2016, os times poderão contar com até 12 jogadores entre os suplentes no campo de jogo, a exemplo do que já ocorre em competições da Fifa e da CBF. Está mantido o limite de inscrição de 28 atletas por clube.

O Paulistão 2016 irá premiar também a melhor equipe do interior. Excluindo o campeão e vice do torneio, o troféu "Campeão do Interior" será entregue ao clube do interior com a melhor campanha.


* Taça do Campeonato Paulista. Foto: Leandro Martins/Estadão Conteúdo.

Imagem: Reprodução TV
Descenso pontual

Para adequar o campeonato ao novo formato de 16 clubes a partir de 2017, seis clubes, e não quatro, serão rebaixados à Série A2. Ao mesmo tempo, dois clubes irão conquistar o acesso da Série A2 para a Série A1 de 2017, quando voltará o formato original de quatro acessos e quatro descensos.

Em 2016, serão rebaixados os seis times de pior campanha de todo o campeonato, independentemente dos grupos. Caso um único grupo abrigue quatro ou cinco times de pior campanha, classificam-se para as quartas de final, respectivamente, o melhor ou os dois melhores terceiros colocados dos demais grupos.

Decisão

A reunião do Conselho Técnico da Série A1 do Paulistão 2016 também decidiu que o Água Santa, de Diadema, tem até a presente data para apresentar documentos que garantam sua participação no campeonato.

A agremiação não atendeu a tempo aos requisitos exigidos em Regulamento para a inclusão de seus estádios.


De acordo com o regulamento, os clubes que disputam a Série A1 da competição devem mandar seus jogos em estádios com capacidade mínima de 10 mil lugares.
.