segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Série A: Atacantes decidem para Santos e Atlético-PR


Fonte: Site oficial da CBF
Texto e edição: Jorge Luiz da Silva.
Imagens: Arquivo ASES e Google.com.br
Salvador, BA. (Da Redação Itinerante do Esporte Comunitário)

Jogadores do Santos comemoram o gol de Ricardo Oliveira(Foto: Pedro Vilela/Agência I7/Estadão Conteúdo)

No fechamento da 21ª rodada do Brasileirão, os centroavantes mostraram porque são importantes para seus times. No Mineirão, o Santos venceu o Cruzeiro por 1 a 0, com um golaço de Ricardo Oliveira, artilheiro da competição com 12 gols. Na Arena da Baixada, Walter garantiu a vitória do Atlético Paranaense sobre o Goiás por 3 a 0.

O Cruzeiro, que não vence há quatro rodadas,
foi com tudo para cima do Santos. Criou muitas chances, mas os pés dos atacantes não estavam calibrados. Melhor para o Santos, que tem o artilheiro do Brasileiro, com uma pontaria mortal. Aos 42 minutos do primeiro tempo, Ricardo Oliveira soltou a bomba de longe e acertou o ângulo.

O Peixe é o nono colocado da competição, com 30 pontos.
Enquanto isso, o Cruzeiro vive situação perigosa.
É o primeiro time fora da zona de rebaixamento, mas tem os mesmo 22 pontos de Goiás e Coritiba, que ocupam a 17ª e 18ª posição, respectivamente.

Foto: Marco Oliveira / Divulgação Atlético Paranaense

Na Arena da Baixada, o nome da partida foi Walter.
O jogador mostrou toda sua categoria ao dominar um longo lançamento de Nikão, girar e chutar para o fundo da rede.

No segundo tempo, ele marcou novamente, dessa vez de pênalti.

No final, Ewandro fez o terceiro.

Com 33 pontos, o Furacão é o sexto colocado, com um ponto a menos que o Palmeiras, quarto colocado.